Publicado por: Marcos Palacios | novembro 14, 2010

Fugindo do Nazismo: o Diário de Lore Dublon


Não se pode comparar, em extensão, ao Diário de Anne Frank, mas é mais uma peça de grande interesse para uma interpretação de um período negro da História da Humanidade, através dos olhos cândidos de uma adolescente. O Diário de Lore Dublon, que na época tinha 13 anos, cobre 28 páginas de um caderno e conta as peripécias de sua família em constante fuga do Nazismo, entre março de 1941 e janeiro de 1942.
O Estadão produziu um excelente Especial, inclusive com a transcrição integral do Diário, que ficará no Brasil, como parte do acervo do futuro Museu Judaico de São Paulo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: