Publicado por: Marcos Palacios | fevereiro 16, 2011

Documentários e formas de vida

“Apresentar em filme a vida de uma ou mais pessoas ou, em alternativa,  apenas algum momento importante da vida de pessoas, tem sido uma temática cara ao documentário. As razões para a escolha dos biografados são, em geral, centradas na relevância social, política ou cultural da actuação em vida ou depois do desaparecimento desses biografados. Por seu lado, muitos são os documentários sobre a vida (o dia-a-dia) ou apenas um momento (uma experiência de vida) de pessoas diversas que, pelo facto de estarem dispostos a participarem num filme, tornam-se o  rosto de exemplos de vida, de combate pelas mais diversas causas, ou de denúncia de situações, ou os seus gestos estão em vias de desaparecer, ou porque a pertinência social, política ou cultural da actuação de determinadas pessoas é tão original que justitifica só por si um filme dedicado”.

Assim os editores apresentam o número 09 da revista Doc-Online, dedicado a Documentários Biográficos e Histórias de Vida.

Ótima referência para Estudos da Memória.

Editada pelos Profs. Marcius Freire (Unicamp) e Manuela Penafria (UBI), a Doc On-line. Revista Digital de Cinema Documentário apresenta periodicidade semestral e resulta de uma parceria entre a Universidade da Beira Interior (Portugal) e a Universidade Estadual de Campinas (Brasil), encontrando-se sediada no servidor do Labcom-Laboratório de Comunicação On-line (UBI)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: